Lula afronta as pessoas

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ultrapassa todos os limites da falta de respeito e da afronta às pessoas de bem. Na quarta-feira (6) no Rio de Janeiro ele isentou o ex-governador Sérgio Cabral Filho de todos os crimes por ele cometidos. Algo esperado, vez que a dupla foi parceira em inúmeros assaltos aos cofres públicos e fatalmente fatiou muito dinheiro ilícito.

O absurdo e inaceitável foi o ex-presidente acusar a Lava Jato de ter arruinado o Rio de Janeiro. Na versão de Lula não foi a roubalheira que detonou o Rio, mas a descoberta da roubalheira e prisão dos seus companheiros criminosos.

De viva voz, discursando para uma plateia de militantes, a ‘jararaca’ cometeu mais esta blasfêmia. Cabral está preso; Lula merece dividir com ele a mesma morada. O atrevimento do ex-presidente se baseia na incapacidade do brasileiro de entender que ele foi o responsável pela crise.

Fico refletindo em silêncio: Como um ser humano é capaz de agredir tanto e continuar impune? Por que Lula ainda tem dezenas de seguidores? Estes não se envergonham? São capazes de encarar seus filhos? Onde está a dignidade?

Rejeite bandidos na política. Não use o cérebro só para separar as orelhas.

Yanna Bach é professora aposentada

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *