Operação “Proximidade” sitia as zonas de Manaus

No primeiro dia da operação “Proximidade – Esforço Máximo”, Forças estaduais, federais e municipais de Segurança atuaram em todas as zonas de Manaus.

Houve registro de prisões por tráfico e embriaguez ao volante. Durante toda a ação, 462 veículos foram fiscalizados e 54 deles apreendidos por diversos tipos de irregularidades. O Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-A) emitiu 194 autos de infrações por irregularidades veicular.

Ainda na Operação, 51 bares foram fiscalizados e 21 foram fechados por também apresentarem irregularidades.

Além dos órgãos estaduais de Segurança Pública (Polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros, Detran e SSP-AM) participam da operação “Proximidade-Esforço Máximo” os seguintes órgãos: Polícia Rodoviária Federal (PRF), Secretaria de Administração Penitenciária (Seap), Poder Judiciário, Ministério Público Estadual, Defensoria Pública Estadual, Polícia Federal, Instituto Municipal de Trânsito e Transporte (MANAUSTRANS), Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Semmas), Secretaria Municipal de Saúde de Manaus (Semsa), Conselhos Tutelares, e outros.

O secretário de Segurança Pública, Carlos Alberto de Andrade, destaca que todos os esforços estão sendo feitos para combater a violência em Manaus. “A integração das Forças Estaduais de Segurança, Forças Armadas e demais órgãos mostram que dessa forma conseguimos tirar muitos infratores de circulação. Vamos combater exatamente esses crimes que perturbam a população e dar maior sensação de segurança ao cidadão de bem”, ressalta.

A operação “Proximidade – Esforço Máximo” contou com o apoio de cerca de dois mil servidores, 92 viaturas e seis guinchos. Toda a operação foi acompanhada em tempo real, pelas 260 câmeras do Centro Integrado de Comando e Controle (CICC), além da Plataforma de Operação Elevado (POE) do CICC.

A “Proximidade – Esforço Máximo” é a maior operação já realizada em 2017 na capital, e tem com objetivo atuar nas áreas com maiores registros de crimes em geral, principalmente, crimes contra a vida, com policiamento ostensivo e preventivo, onde os órgãos também estarão exercendo o papel de Polícia na fiscalização de casas noturnas e festas, durante todo o fim de semana.

Dados

A Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) registrou neste mês de setembro, até a última sexta-feira (29), 60 homicídios.

Em comparação com os meses interiores houve uma redução de pelo menos 40%. Desde janeiro a SSP-AM registrava aumento de homicídios. Agosto, por exemplo, fechou o mês com 105 casos de assassinatos. “Acreditamos que essa redução tem ligação com o grande reforço no policiamento feito pela Polícia Militar e as prisões de criminosos por meio de mandados de prisão realizadas pela Polícia Civil”, disse o secretário.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *